Comunicação Entre o Casal

 Em Educação, Informativo

Como avaliar se a comunicação entre o casal está boa, de 01 a 10 qual seria a sua nota? Sim a sua nota e não a nota do seu parceiro. A tendência é sempre reclamar do outro, mas o importante é você se avaliar.

Entenda: o que NÃO é dito não é compreendido, ou seja, é preciso conversar, falar, sinalizar o que te agrada e o que te desagrada. As pessoas não adivinham pensamento, fazer “birra” como uma criança de cinco anos é péssimo, ficar com “raivinha” e tratar o parceiro com grosseria não é a solução.

COMO MELHORAR A COMUNICAÇÃO ENTRE O CASAL

As mulheres reclamam que os maridos não ajudam nas atividades de casa, que são ausentes e não demonstram carinho. Já os homens questionam a falta de paciência da esposa, a falta de compreensão quando não estão bem e a falta de desejo sexual da parceira.

MULHER: O primeiro passo é você se permitir ser cuidada. Se o que irrita é a falta de colaboração dele, peça ajuda. Alinhe com o seu marido, qual a ajuda que gostaria e de tempo a ele para concluir. As mulheres são diferentes dos homens, nós conseguimos realizar várias atividades ao mesmo tempo, os homens não.

Outra reclamação frequente é que ele não a leva mais para passear: converse com ele sobre os passeios que faziam e quais lugares gostaria de conhecer e se programem. De nada resolve reclamar se você não sugerir uma solução. A situação financeira não é desculpa, existem opções que cabem dentro do orçamento, como ir ao parque por exemplo.

Não podemos esquecer: algumas mulheres solicitam algo dos homens, justamente no horário do futebol. Interessante você respeitá-lo neste momento, porque este é o passatempo dele. Assim como, quando você está no WhatsApp conversando com alguém e não gostaria de ser interrompida.

Lembre: você é esposa, não é mãe dele. Mãe é mãe, pai é é pai, cada um com sua função.

HOMEM: Você não precisa ser “forte” o tempo todo, se não explicar a sua esposa o que está acontecendo não tem como ela te ajudar. Se desejar por carinho, dê carinho. A vida é uma via de mão dupla: dar e receber. O homem deseja por sexo no final do dia, mas se esquece do quanto não despertou essa vontade na esposa. Que mulher se excita com falta de gentileza? Nenhuma.

VALE A PENA O ESFORÇO

Vale ressaltar, que estamos falando aqui, de um ajuste de comunicação, mas se o seu parceiro é grosseiro, agressivo, abusivo e não admite nenhum tipo de crítica ou é impossível ter qualquer tipo de diálogo: sinceramente essa situação está fora deste contexto. PULA FORA! Se você vivencia uma relação assim, busque ajuda psicológica e leia este texto sobre Feminicídio.

É importante conversar de maneira afetiva e sem imposições. O segredo é dar espaço para que o outro também fale das suas vontades e sentimentos.


ACOMPANHE MAIS CONTEÚDOS NAS REDES SOCIAIS:

Deixe um comentário

FEMINICÍDIO - Cristiane AssumpçãoCris do Luto - Cristiane Assumpção